Pocando no ES 3: Um pouco do charme de Pedra Azul

A região de Pedra Azul, em Domingos Martins - ES, atrai muitos turistas não só pela sua beleza cênica, mas também a diversidade de atividades ali oferecidas, que variam desde a esporte radicais a renomados restaurantes. 

Com o intuito de apresentar um pouco desta região, a organização do #PocandonoES 3 a colocou no roteiro deste encontro de blogueiros de viagem, com foco na Rota do Lagarto e na vista da Pedra Azul do Hotel Bristol Vista Azul.

Vista do Mirante da Pedra Azul, na Rota do Lagarto

A Rota do Lagarto tem seu início na BR-262 e acaba na ES-164, percorrendo cerca de 8 km de uma estrada sinuosa, estreita, calçada e com um visual de tirar o fôlego. Diversas são as opções de hospedagem, restaurantes, loja de produtores da região, cafés e o destaque principal: o Parque Estadual de Pedra Azul


Começamos a percorrer a Rota do Lagarto do seu final, próximo a ES-164 (Estrada que vai para o município capixaba de Vargem Alta). 
Início do nosso percurso pela Rota do Lagarto (próximo a ES-164)

Nesta parte da Rota as flores fazem o papel de protagonistas. De acordo com a época do ano, a coloração muda, mas o encanto do lugar continua. Alí é possível encontrar casinhas lindamente decoradas e adaptadas a lojas de artesanato, produtos da região, cafés e restaurantes.

Após descer da van, nosso primeiro destino foi no Tuia - Gastronomia e Arte. A loja fica numa casa toda enfeitada, cheia de detalhes e que te chama a entrar e conhecer o que ali é oferecido. Como o próprio nome já diz, no Tuía é possível encontrar diversas peças de decoração para casa, muitas elaboradas por artistas da região. Também é possível encontrar ali um cardápio com boas opções de cervejas, pratos para almoço e cafés. A nós, participantes do #PocandonoES foi oferecido um café, chocolate quente ou capuccino de cortesia. A escolha da pequena foi o chocolate quente, que estava do jeitinho que gostamos - nada de melado, com o chocolate na proporção cerca, e uma deliciosa cobertura de chantily.


A charmosa Tuía

Tuía - Gastronomia e Arte na Rota do Lagarto

Detalhes externos do Tuía

O chocolate quente do Tuía: ❤

E quase que não consigo tirar uma foto da Manu tomando o chocolate!

Após um delicioso momento do Tuía, hora de ir verificar todo o charme do Marietta Delicatessen. Com uma variedade de produtos finos, o destaque vai para os doces da loja e os chocolates que ali podem ser encontrados. A loja é um encanto só - díficil segurar a vontade de sair registrando cada cantinho, cada combinação de flores e afins.

Marietta Delicatessen - Rota do Lagarto

Eu e Manu na janela do Marietta Delicatessen

As vibrantes cores dos cravos!

Aproveitando o ambiente da Rota do Lagarto

Uma graça para a foto

E logo do outro lado da estrada uma charmosa casinha chama atenção: Da Tute Mani. Um lindo caminho de flores nos levam a entrada da loja, que é especial em todos os aspectos. A casa onde a mesma está instalada tem mais de 100 anos, e foi deslocada do distrito de Garrafão (em Santa Maria de Jetibá) para a Rota do Lagarto. Com forte influência pomerana, a edificação passou por restauro e adaptações para que ali fosse instalada a loja. Os produtos encontrados na loja são da Boutique de Bordados, com trabalhos das voluntárias do Instituto Jutta Batista da Silva, que existe desde 1983. Como se a graça do lugar não tivesse fim, impossível não se apaixonar pelos produtos ali expostos: objetos de decoração feitos com amor e com toda a delicadesa possível. Sair com as mãos vazias é praticamente impossível!


Da Tute Mani

Cuidado nos detalhes - Da Tute Mani

Alguns dos produtos expostos e a venda: carteiras persolizadas

Bordados manuais - Da Tute Mani

Como não querer uma destas?

Uma pose para a foto!

Será que ela gostou? 

Difícil escolher - Da Tute Mani

Encantados com tudo o que vimos neste quilometro, hora de andar um pouco pelos outros quilometros da Rota do Lagarto. Próxima parada, no Mirante da Rota, de onde é possível ver a Pedra Azul e o Lagarto que dá nome a rota. Aqui é legal acrescentar que a coloração da Pedra Azul muda de acordo com a inscidência do sol, podendo variar até 36 vezes por dia - indo do verde para o azul, podendo até assumir tons alaranjados.

Pedra Azul do Mirante da Rota do Lagarto

Após a parada para as fotos e explicar para os outros blogueiros onde estava o lagarto (você já identificou, né?), hora de ir para a entrada do Parque Estadual de Pedra Azul. Devido a outros compromissos, não entramos no mesmo (uma pena), mas rolou fotinha linda junto com a protagonista da Rota do Lagarto.

Manu posando com a Pedra Azul

Após o trajeto pela rota, hora de ver a Pedra Azul de outro ângulo - o Hotel Bristol Vista Azul. Para finalizar nossa presstrip por Domingos Martins com chave de ouro, fomos convidados a conhecer a infraestrutura do hotel e a sua cozinha, com um almoço feito com a comida típica capixaba das montanhas - e que muito agradou aos blogueiros de fora do estado.

Chegando ao hotel, fomos recebidos pela simpática Lucia, que nos levou para conhecer o cartão de entrada do local - a vista da Pedra Azul do alto do Bristol. Dali é possível perceber toda a comunidade de pequenos produtores rurais que estão localizados no entorno do Parque e que só tornam essa região mais gostosa. Depois, fomos conhecer as dependências do hotel (e ficar pensando quando poderemos voltar para desfrutas um dos quartos). Destacamos aqui que em alguns quartos a vista também é para a Pedra Azul, e é possível apreciar a mesma enquanto toma-se uma relaxante banho de banheira de hidromassagem - nada mal, né? A área comum também é muito agradável, contando com piscinas aquecidas, jacuzis, áreas para massagem....um completo deleite para o relaxamento. E para quem pensou que aqui não cabe crianças, ledo engano - a área kids também está presente, para a alegria dos pequenos e seus pais.

Saguão de entrada do Bristol Vista Azul

Vista da Pedra Azul do Bristol

Pedra Azul e o seu entorno, visto do Hotel Bristol Pedra Azul

Singela vista de um dos quartos do Bristol Vista Azul

O charme das hortênsias no quarto

Manu namorando a banheira e só apreciando a vista

Nada mal acordar com uma vista destas hein!

A piscina e o fascínio das crianças

Brincando na área externa do Hotel Bristol Vista Azul

Conferindo o cherinho gostoso das flores

E não tinha como voltar para Vitória mais encantada com tudo o que vimos nesta viagem. Se a gente que já conhece Pedra Azul sempre se encanta, imagina quem nem sequer sabia que no Espírito Santo tinha uma região de montanhas tão linda?

E sobre participar de uma presstrip com a pequena - essa já é a segunda. Na primeira, fomos de carro próprio, por medo de qualquer inconveniente. Nesta, nos jogamos na van com os demais blogueiros. Medinho de Manu dar trabalho além da conta, mas tudo deu certo. A pequena fez amizades, curtiu os lugares e reviu outros. Afinal, deixar a criança interagir e conviver com adultos também faz parte do processo de aprendizado para uma viagem.


A Pedra e o Lagarto

No mais, aproveitem as dicas aqui. Os lugares são encantadores, e pela distância, rapidinho voltaremos para curtir mais as montanhas capixabas.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Hidrolândia Parque - Iúna - ES

Descobrindo Costa Dourada (Mucuri - Bahia)

Santa Teresa: Roteiro de 2 dias para aproveitar a cidade